Resenha #17 "O Fim do Verão"


Olá pessoal, tudo bem? Espero que estejam todos bem e com suas leituras em dias, =D

Para o desafio de Abril escolhi dois livros, vamos para o primeiro livro: O Fim do Verão – Rosamunde Pilcher. Depois de uma leitura que me fez chorar bastante, resolvi escolher algo mais suave, um romancezinho light, pelo menos era o que eu esperava com essa leitura, mas me surpreendi. O que não foi ruim.



Sinopse: "O Fim Do Verão" narra a história de Jane Marsh, que depois de anos nos Estados Unidos precisa voltar à Escócia para resolver questões ligadas à sua herança. Retornar à tranquila Elvie, onde passou uma infância feliz, traz-lhe recordações maravilhosas. A lembrança de seu primo Sinclair tem um lugar especial em seu coração, já que ela sonhava com o casamento dos dois desde pequena. Sinclair raramente visita a avó, mas retorna assim que descobre que a prima está a caminho. Uma tragédia e muitos segredos familiares desvendados permitem que Jane amadureça e encontre finalmente o amor. O retorno às origens, tema recorrente na obra de Pilcher, é explorado com a sensibilidade e leveza características da escritora.


Calma, não pensem que foi uma trama emotiva, mas também não foi romântica. O Fim do Verão pode se definir como um drama: um drama familiar e também pessoal. 

É o terceiro livro que leio da Rosamunde e já estou habituada com a sua escrita detalhada e descritiva dos lugares, do perfil físico e psicológico dos personagens.  Ao lermos suas descrições das paisagens, temos a nítida sensação que estamos no local descrito, é como viajar sem sair do lugar.

A protagonista Jane tem 21 anos e vive com seu pai nos Estados Unidos, pois sua mãe faleceu quando tinha 14 anos e seu pai resolveu que seria melhor deixar a Escócia. Essa decisão inusitada causa um “racha” na família e nós vamos entender o porquê disso mais para frente.

Achei Jane um pouco acomodada para sua idade. Nós temos uma protagonista que nem tem profissão! Isso me chateou bastante. Até sua avó de 70 anos, não aceita essa situação. Imagine quem está lendo como se sente com essa questão profissional.

Acontece uma situação e Jane resolve voltar para visitar sua avó e a partir daí os dramas pessoais de cada personagem, são 5 principais, começam a surgir e serem explorados.

Rosamunde desenvolveu cada personagem minuciosamente, temos pessoas com defeitos, dúvidas, qualidades bem próximas da realidade.

É um livro pequeno, apenas 160 páginas. Uma leitura rápida e que cumpre o seu papel de entreter. Já li livros melhores da autora, mas não é o caso de desmerecer a sua escrita, pois quem já leu O Carrossel ou O Dia da Tempestade, sabe como a escrita da Rosamunde é deliciosa e encantadora!

Minha edição é “vira-vira”. Você pode adquiri-lo em alguma promoção no submarino ou saraiva. Comprei em dezembro no submarino por R$ 8,00, sabe aquelas promos que te deixa de queixo caído e você pensa: - Como não comprar?! Kkkkkkkkkkk. Comprei e não me arrependi. Ainda tem Um Encontro Inesperado para ler e estou bem curiosa. ;)




Fiquem com Deus e até a próxima!


Gladys Sena.



Plágio é crime!

2 comentários:

  1. Adoro Rosamunde Pilcher!
    Dela já li vários, menos o dessa resenha, já vi promoção dele mas não sei pq nunca me animo para comprar kkk. Vc tem que conhecer o Regresso e Os Catadores de Conchas, esses são os melhores livros dela, sem dúvida. O Regresso tem mais de mil páginas e eu não conseguia parar de ler.
    Eu adoro as narrativas cheia de detalhes e morro de vontade de conhecer a Cornualha de tanto ela descrever esse pedaço da Inglaterra em suas histórias.

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah Nataly eu tmbm morro de vontade, rsrs.
      Tenho Os Catadores de Concha, mas cadê tempo pra ler aquela lista telefônica, rsrs.
      Bjokas!

      Excluir

© Cantinho da Gladys - 2012. Todos os direitos reservados.
Criado por: Ana Zuky.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo